Greenvolt e fundos compram central de biomassa por 284 milhões

A GreenVolt e a Equitix vão ficar com 51% e 49%, respetivamente, da central de produção de energia renovável a biomassa, com capacidade de produção de 42 MW.

A GreenVolt chegou a acordo para comprar a Tilbury Green Power, uma central de produção de energia renovável a biomassa, com capacidade de produção de 42 MW, situada no porto de Tilbury, em Essex (Inglaterra). Juntamente com o Equitix, vai pagar 284,74 milhões de euros pela empresa, ficando com 51% do negócio.

Em comunicado enviado à CMVM, a Altri informa que a sua subsidiária integralmente detida GreenVolt celebrou juntamente com fundos geridos pelo Equitix Group, um acordo para aquisição da Tilbury Green Power Holdings Limited”.

Este negócio já tinha sido comunicado ao mercado a 25 de maio, altura em que a empresa afirmava que a sua proposta era “considerada preferencial”. Agora está dado mais um passo na operação, sendo que “a concretização do acordo está sujeita à verificação de um conjunto de condições precedentes habituais em operações desta natureza”.

O investimento será feito de forma repartida entre a GreenVolt e a Equitix. “A titularidade das ações representativas da TGPH ficará parqueada numa sociedade de direito inglês, detida na proporção de 51% pela GreenVolt e 49% pelos fundos geridos pela Equitix“, refere a empresa. “O valor da transação ascende a 246,5 milhões de libras, o equivalente a 284,74 milhões de euros ao câmbio atual.

A GreenVolt refere que “a 31 de dezembro de 2020, a Tilbury Power Plant gerou um volume de negócios de 28,6 milhões de libras, a que corresponde um EBITDA para o mesmo exercício, que ascende a 18,0 milhões de libras”.

A compra permitirá à GreenVolt, que está a rumar à bolsa de Lisboa, “juntamente com a Equitix, prosseguir o seu ambicioso projeto de crescimento e internacionalização, sedimentando a sua posição no setor das energias renováveis a nível europeu e contribuindo para a expansão do seu negócio”, remata a empresa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Greenvolt e fundos compram central de biomassa por 284 milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião