Berardo e advogado respondem por quatro novos crimes

  • Lusa
  • 30 Junho 2021

O empresário e o seu advogado de negócios vão passar a responder também por falsidade informática, falsificação, abuso de confiança qualificada.

O empresário Joe Berardo e o seu advogado, André Luíz Gomes, detidos na terça-feira, vão responder por mais quatro crimes para além daqueles de que já eram suspeitos, exceto administração danosa.

Segundo informação veiculada pelo Conselho Superior da Magistratura (CMP) a pedido do juiz do Tribunal Central Criminal (TCIC) Carlos Alexandre, o empresário e o seu advogado de negócios vão passar a responder também por falsidade informática, falsificação, abuso de confiança qualificada e descaminho ou destruição de objetos colocados sob o poder público.

Estes crimes juntam-se àqueles que já lhes eram atribuídos, envolvendo burla qualificada, fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais.

De fora dos ilícitos imputados a Joe Berardo e a André Luíz Gomes ficou o crime de administração danosa, do qual deverá ser indiciado um dos restantes arguidos.

Segundo informação do juiz Carlos Alexandre veiculada pelo CSM, os arguidos foram apresentados ao TCIC às 16:00 e começaram a ser ouvidos às 17:15.

O processo que levou à detenção do empresário Joe Berardo conta com 11 arguidos, dos quais seis são empresas e cinco individuais.

A sessão foi interrompida ao início da noite de quarta-feira, mas cerca das 22:15 os advogados do empresário Joe Berardo e de André Luíz Gomes, respetivamente Paulo Saragoça da Matta e João Costa Andrade, ainda permaneciam para consulta dos autos no edifício do TCIC, nas antigas instalações da Polícia Judiciária (PJ) em Lisboa.

Os trabalhos do processo devem retomar retoma esta quinta-feira às 09:00, disse à Lusa fonte da defesa.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Berardo e advogado respondem por quatro novos crimes

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião