Rio admite distância “enorme” para o PS, mas espera “recuperar parte substancial” nas autárquicas

O presidente do PSD admite que o partido ficou com uma distância "enorme" face ao PS nas autárquicas de 2017, mas espera "recuperar parte substancial" nas eleições deste ano.

A um mês da realização das eleições autárquicas, Rui Rio começou a fazer campanha um pouco por todo o país. Esta quinta-feira, em Mondim de Basto, autarquia socialista sem nenhum vereador do PSD, o presidente do PSD admitiu que a distância entre as 98 câmaras social-democratas e as 159 câmaras socialistas é “enorme”. Porém, mostrou-se otimista na recuperação este ano de “parte substancial” do que se perdeu em 2017.

Tenho consciência de que estas eleições autárquicas de 2021, como eu tenho vindo a dizer, são muito relevantes para o PSD, mais do que no passado, porque vimos de duas eleições autárquicas recentes, em 2013 e 2017, onde perdemos muitas posições: perdemos muitas câmaras e muitos vereadores“, afirmou Rio em declarações transmitidas pela RTP3 esta quinta-feira, notando que é diferente perder com 30% ou 10% “como aconteceu em muitas câmaras”.

Rui Rio voltou a assumir que “qualquer ato eleitoral relevante” tem implicações para a direção do partido, isto é, na sua continuação à frente do PSD. “O presidente do partido é o primeiro responsável” pelos resultados das eleições autárquicas, admitiu, assinalando que tirará as ilações a seguir ao ato eleitoral. Contudo, afastou a ideia de que está preocupado com o seu futuro: a preocupação de Rio é a recuperação do partido face à maior distância desde o 25 de abril entre PSD e PS nas autarquias.

Quanto a expectativas, o otimismo reina neste início de périplo autárquico. “Acho sinceramente que vai correr bem“, perspetivou o social-democrata, argumentando que está a fazer um “esforço” para ir às autarquias que “sendo do PS, o PSD pretende reconquistar”, como é o caso de Mondim de Basto, cujo executivo camarário recebeu críticas — “fraqueza e falta de pujança”, classificou — por parte do líder do PSD.

Rui Rio arrancou esta quarta-feira a pré-campanha eleitoral do PSD nas autárquicas em Marco de Canaveses, no distrito do Porto. O ato eleitoral realiza-se a 26 de setembro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Rio admite distância “enorme” para o PS, mas espera “recuperar parte substancial” nas autárquicas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião