Criptomoedas afundam 10% na estreia de El Salvador com a bitcoin

  • ECO
  • 8 Setembro 2021

No dia em que El Salvador reconheceu a bitcoin como moeda oficial, as criptomoedas afundaram mais de 10%. Analistas associam quedas ao movimento "buy the rumour, sell the news".

No dia em que El Salvador se tornou no primeiro país a adotar a bitcoin como moeda legal, as criptomoedas afundaram mais de 10% na pior sessão em cerca de dois meses.

A mais popular das moedas digitais chegou a afundar 11,1%, a queda mais pronunciada desde 2 de junho. Está agora a transacionar 45.798,21 dólares, depois de ter atingido máximos de quatro meses na semana passada.

Os analistas associam esta queda em parte devido ao comportamento dos investidores que compraram bitcoin quando surgiu o rumor de que El Salvador ia adotar a bitcoin e venderam agora em massa quando o país da América Central tornou a criptomoeda oficial.

“Penso que houve alguma antecipação ao acontecimento (El Salvador), semelhante àquilo que assistimos antes de a Coinbase entrar para a bolsa”, disse Henrik Andersson, da Apollo Capital, um fundo de cripto ativos, citado pela agência Reuters.

Bitcoin afundou mais de 10%

A pressão vendedora em torno da bitcoin arrasou o mercado das criptomoedas. A Ethereum também cai mais de 10% para 23.345,98 dólares e a Litecoin desvaloriza mais de 15% para 177,43 dólares. Outras moedas menos conhecidas como a Chainlink ou Stellar Lumens afundam quase 20%.

Foi assim uma estreia atribulada para o El Salvador enquanto economia com a bitcoin oficial para a realização de transações económicas. Com a desvalorização da moeda, o presidente do país, Nayib Bukele, anunciou que o Governo adquiriu mais 150 moedas, num investimento de cerca de sete milhões de dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Criptomoedas afundam 10% na estreia de El Salvador com a bitcoin

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião