Howden compra Aston Lark e consolida 7 mil milhões de euros em prémios no mercado britânico

  • ECO Seguros
  • 13 Outubro 2021

A transação torna a Howden líder da corretagem independente no Reino Unido. Em 2 semanas, o grupo realizou 5 aquisições no mercado internacional e está comprador em Portugal.

A Howden, o grupo internacional de corretagem de seguros presente em Portugal, acordou a aquisição da Aston Lark, anunciou a companhia assinalando tratar-se da maior aquisição nos 27 anos de atividade do grupo.

Consolidando os negócios da Howden UK, mais os da A-Plan e a atividade da Aston Lark, o grupo de corretagem ergue-se um operador com mais de 6 mil milhões de libras esterlinas (cerca de 7 mil milhões de euros ao câmbio corrente) de prémios brutos emitidos junto de mais de 1,7 milhões de segurados, servidos por mais de 5 mil colaboradores em de 160 locais no Reino Unido e na Irlanda.

A Aston Lark, até agora controlada pela Goldman Sachs Asset Management e a Bowmark Capital, é uma das principais empresas independentes na corretagem junto de clientes comerciais e especializada em entidades privadas com necessidades de coberturas complexas do Reino Unido. Além de seguros de linhas de proteção pessoal e empresarial, a Aston Lark aconselha e fornece planos de benefício empresa, contando com uma carteira de 200 mil clientes e volume bruto de prémios estimado em 1 000 milhões de libras esterlinas.

“A construção da nossa plataforma de corretagem no Reino Unido é um negócio que está a ser feito há uma década e estou entusiasmado por uma equipa de gestão altamente respeitada e experiente como a Aston Lark ter escolhido a Howden,” disse David Howden, Chief Executive Officer (CEO) do Howden Group, num comunicado.

A aquisição, justificada pela forte complementaridade que assegura ao negócio de corretagem da Howden no Reino Unido, vai acrescentar o negócio da Aston Lark à operação da A-Plan Group e da Howden UK para criar uma plataforma de corretagem de serviço completo “sem rival na sua qualidade, escala e alcance no Reino Unido”.

Após a integração da Aston Lark, o negócio terá arquitetura de liderança reorganizada, por forma a otimizar soluções e serviço ao cliente. Peter Blanc, CEO da Aston, será presidente executivo para a área de retalho do grupo Howden no Reino Unido enquanto o atual CEO da A-Plan, Carl Shuker, será nomeado CEO da nova plataforma. Por seu lado, Andy Bragoli, até agora CEO da Howden UK será responsável pela área International Specialty do grupo. Esta estrutura de gestão reportará a José Manuel Gonzalez, CEO da Howden Broking.

Cinco aquisições em duas semanas

A compra a Aston Lark emerge como a quinta aquisição anunciada pela Howden desde início de outubro.

No primeiro dia do mês, a empresa anunciou a compra da CHB Insurance Brokers, uma corretora (seguros não Vida) que marca a entrada do grupo na Estónia ao mesmo tempo que estabelece uma porta para explorar o mercado do Báltico.

Poucos dias depois foi a vez da Suíça, onde a Howden acordou a compra da BrokerCenterZürichsee AG (BCZ), igualmente uma “primeira vez” no mercado suíço. Redenominando o alvo como Howden BCZ Versicherungsbroker AG, a aquisição constitui base de partida para crescer no mercado helvético de corretagem.

Esta semana, antes de confirmar rumor que circulava sobre o alvo Aston Lark, a Howden deitou a mão a outras corretoras, a belga Sarton & Associés e a norueguesa Aneco.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Howden compra Aston Lark e consolida 7 mil milhões de euros em prémios no mercado britânico

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião