Preços da energia batem recordes. 20 dicas para poupar na fatura da luz e na bomba de combustível

Para o Dia Mundial da Poupança, o ECO/Capital Verde reuniu as melhores dicas de poupança dos especialistas da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos e da Deco.

Os adultos até podem continuar em teletrabalho, mas os miúdos já voltaram à escola, em força. Há que pegar no carro para os ir levar e buscar, pelo menos, mais uma voltinha pelas atividades extracurriculares ao fim do dia, os passeios aos fins de semana, as visitas à família que agora até já são permitidas.

Em menos de nada o depósito do carro fica vazio e a experiência de ir à bomba atestar é tudo menos agradável, com a gasolina a 1,768 euros por litro e o gasóleo nos 1,604 euros.

A partir de 10 de novembro, vai passar a haver o desconto de 10 cêntimos por cada litro de combustível, até 50 litros por mês, aprovado pelo Governo, mas até lá há várias dicas poupança que podem ser postas em prática.

O mesmo se aplica à eletricidade, com muitos profissionais ainda a trabalhar de casa, seja a tempo inteiro ou em regime híbrido e a gastar a sua própria energia elétrica, paga do seu bolso, para alimentar as ferramentas que usam para desempenhar a sua profissão. Em qualquer dos casos, poupança é sempre a palavra de ordem.

10 dicas para poupar na fatura da luz

  1. Use lâmpadas LED e poupe num ano até 8€ por lâmpada.
  2. Evite ligar em simultâneo eletrodomésticos com consumos significativos de eletricidade, como cafeteiras elétricas, fornos elétricos, máquinas da roupa e da loiça e aspiradores, para reduzir os picos de consumo na rede elétrica.
  3. Se tiver tarifa bi-horária, escolha os horários de vazio para os consumos maiores de energia.
  4. Ao utilizar as máquinas no período noturno poderá poupar 20€/ano (máquina de lavar roupa) e 30€/ano (máquina de lavar loiça).
  5. Verifique se a temperatura de frigoríficos e arcas congeladoras estão ajustadas: embora dependa do modelo, no frigorífico, deve rondar os 5 a 8°C e, no congelador, -17° a -20°C. Se possível, certifique-se de que as grelhas traseiras estão limpas e desobstruídas. Abra estes aparelhos o menos possível.
  6. Caso seja inadiável comprar um novo eletrodoméstico, como um frigorífico ou uma arca, opte por aparelhos com baixos consumos de eletricidade. Veja sempre a etiqueta energética.
  7. Desligue o fogão e o forno minutos antes de acabar de cozinhar. O calor acumulado permite terminar a tarefa.
  8. Use sistemas de medição inteligentes e tomadas centrais que desligam automaticamente vários equipamentos em vez de os deixar em modo stand-by (TV, box, equipamento de som). Pode poupar energia até 60€/ano.
  9. A leitura do contador comunicada por si tem o mesmo valor que a realizada pela empresa. Evite estimativas.
  10. Caso precise de recorrer a um aparelho de aquecimento portátil, reduza a sua utilização ao máximo. No caso do termoventilador, ligue-o apenas quando alguém estiver na divisão e desligue-o assim que sair ou for dormir. Caso use um radiador a óleo, mantenha-o em funcionamento o menor tempo possível.

10 dicas para poupar bomba de combustível

  1. Nos combustíveis, abasteça logo de manhã ou durante os períodos mais frescos. Nessas alturas do dia o combustível está “mais denso” e, como paga ao litro, comprará mais combustível a um menor preço.
  2. Encha o depósito ao máximo sempre que possível. Evitará várias deslocações para abastecer. Quando for encher o depósito, não aperte a pistola ao máximo. Pratique modos de enchimento mais lentos e poupará mais dinheiro.
  3. Verifique a pressão dos pneus. Mantenha os pneus do carro em bom estado e não se esqueça de encher a roda de socorro ao máximo, respeitando o limite autorizado. Poupança equivalente: de 1 a 5 cêntimos por litro.
  4. Conduza com precaução. Uma condução suave poupa combustível e permite economizar. Poupança equivalente: de 15 cêntimos a 60 cêntimos por litro.
  5. Observe o limite de velocidade. Por cada 8 km/h que conduz acima dos 80 km/h gasta mais 6 cêntimos por litro. Poupança equivalente (reduzindo 10 a 20 km/h): de 8 cêntimos a 15 cêntimos por litro.
  6. Evite transportar carga no tejadilho. Um grande caixote no tejadilho reduz a economia de combustível. Poupança equivalente: de 3 cêntimos a 26 cêntimos por litro.
  7. Não faça da bagageira uma despensa. Retire objetos desnecessários do seu veículo, especialmente os pesados. Poupança equivalente: 2 cêntimos por litro (por cada 45 kg a mais).
  8. Em “ponto-morto”, o motor está a consumir. O carro engatado, sem estar em aceleração, não consome. Ajuste as descidas e travagens a este princípio.
  9. Planeie a rota mais eficiente
    Com menos desvios, menos trânsito e mais direta. Existem inúmeras aplicações que ajudam a escolher o percurso mais económico e a evitar ao mesmo tempo o trânsito.
  10. Evite percursos de terra batida
    Este tipo de piso pode aumentar o consumo do seu carro em 30%, quando comparado com a mesma distância em asfalto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Preços da energia batem recordes. 20 dicas para poupar na fatura da luz e na bomba de combustível

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião