Santander e Mapfre fazem nova injeção de capital na joint venture de (re)seguros

  • ECO Seguros
  • 21 Novembro 2021

A empresa conjunta do banco e da seguradora recebeu novo reforço de capital, o segundo realizado este ano, com objetivo de impulsionar crescimento da aliança banca e seguros.

A Mapfre e o Santander injetaram um adicional de 16,7 milhões de euros no capital da joint venture (jv) Santander Mapfre Seguros y Reaseguros, elevando os fundos próprios da jv para 57 milhões de euros.

A injeção de recursos reafirma intenção do banco presidido por Ana Botín e da seguradora presidida por António Huertas de ampliar a parceria de negócio, nomeadamente através do lançamento de novos produtos.

A entidade conjunta, detida em 50,01% pela seguradora e em 49,99% pelo grupo bancário, começou a operar em fevereiro de 2020 e, entre março e julho do ano passado, iniciou a comercialização de produtos no ramo automóvel (carros e motociclos) e coberturas para empresas, nomeadamente PME.

O acordo supõe que o Santander distribua as soluções de seguros da Mapfre até dezembro de 2037 em toda a sua rede de agências no mercado ibérico. Já em março de 2021, a parceria de bancassurance tinha reforçado capacidade financeira em 38%, aumentando o capital social da filial conjunta para 30,5 milhões de euros.

A parceria possibilita também à entidade financeira a distribuição exclusiva de seguros em Portugal, pelo mesmo período, para os ramos automóvel, multirriscos para PME e de responsabilidade civil da Mapfre que, na mesma proporção da sociedade conjunta, controla 50,01% do negócio conjunto de seguros no mercado português, enquanto o Banco Santander Totta ficou titular dos restantes 49,99%.

Para o Santander, como acontece para a banca em geral, a distribuição de seguros ganhou relevância como alternativa para diversificar receitas. Com margens da atividade pressionadas e taxas Euribor negativas, a venda de seguros gera receita mais rentável em comissões do que a atividade puramente bancária, de captação depósitos e concessão de crédito.

A seguradora deixou de contar com canal bancário de distribuição que lhe era assegurado pelo Bankia depois de este ser integrado no grupo CaixaBank. Assim, nota o sítio eletrónico do El Confidencial (acesso pago), o Santander emergiu como principal distribuidor da Mapfre na rede bancária, embora limitado aos seguros gerais (não Vida).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Santander e Mapfre fazem nova injeção de capital na joint venture de (re)seguros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião