Bureau Veritas e corretora Bessé aliam-se na cibersegurança marítima

  • ECO Seguros
  • 23 Novembro 2021

Associadas da France Cyber Maritime, a corretora de seguros e a companhia global de certificação e inspeções querem construir uma solução otimizada contra ameaças cibernéticas no setor marítimo.

O Bureau Veritas, especialista em sistemas de certificação e inspeção de conformidade, e a Bessé, sociedade francesa de aconselhamento em seguros (corretagem), estabeleceram uma parceria com objetivo de otimizar soluções em matéria de cibersegurança e ciberseguro para o setor marítimo.

Face a ameaça crescente de ciberataques no setor marítimo e na indústria naval em particular, sobretudo no risco de malware, a Veritas e a Bessé aliaram-se para construir uma oferta especializada fortalecida pela complementaridade entre ambas. Afiliadas na associação France Cyber Maritime, criada em 2020, a aliança prepara resposta às exigências normativas que adivinham.

A Bessé recorda que o Bureau Veritas, através do seus serviços de cibersegurança, já assiste os armadores e operadores na implementação de sistemas eficazes de segurança cibernética a bordo dos navios e também em terra. Para o efeito, a companhia global de inspeções e certificações de qualidade, desenvolveu um manual de regras (“NR 659”) que estabelece um quadro de avaliação de cibersegurança marítima. Esta solução permite identificar o nível de risco cibernético e o grau de risco dos proprietários/operadores de navios e propor medidas organizacionais, técnicas e procedimentos para reduzir o risco até um nível aceitável.

Sociedade de origem familiar e posicionada em França na área de aconselhamento em seguros e com atividade de corretagem em dezenas de outros países, a Bessé assumirá a resposta de seguros para os riscos identificados, assistindo os proprietários e operadores de navios na transferência de parte dos seus riscos para as seguradoras, explica um comunicado da corretora.

A Bessé contará com os resultados de missões realizadas pelo Bureau Veritas para ajudar os seus clientes na gestão dos riscos e acompanhá-los junto das seguradoras, desenvolve a informação. “A gestão do risco cibernético é ainda um desafio novo para as empresas em geral e para os armadores e operadores em particular, por isso estamos satisfeitos com esta parceria com BUREAU VERITAS, que nos permitirá implementar soluções à medida dos nossos clientes”, disse Gildas Tual, Director of Maritime et Logistique na Bessé.

Reforçando o posicionamento na área de cyber, o Bureau Veritas comprou controlo do capital da Secura, uma empresa especialista em segurança cibernética. A transação, anunciada em janeiro de 2021, reforçou competências da companhia de inspeções nas áreas de avaliação, gestão e redução de risco cyber.

Segundo informação divulgada pela adquirente, a Secura fornece serviços de testes de segurança, auditoria, formação e certificação abrangendo pessoas, organização e tecnologia (redes, sistemas, aplicações e dados).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bureau Veritas e corretora Bessé aliam-se na cibersegurança marítima

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião