Produtos transmontanos têm uma nova marca

A Sortegel, que transforma dez mil toneladas de castanha por ano, acaba de lançar a marca Quinta de Arufe direcionada ao consumidor final. Queijo e azeite vão fazer parte do cabaz transmontano.

A Sortegel, que se assume como a maior transformadora de castanha em Portugal e um das maiores na Europa, acaba de lançar uma nova marca intitulada de “Quinta de Arufe”, em parceria com o chefe Chakall. Para além da castanha, a nova marca vai contar com produtos transmontanos como queijo e azeite, direcionados ao consumidor final.

Em declarações ao ECO, Hugo Soares, administrador da Sortegel, disse que “aproveitaram a ocasião da Expo Dubai para lançar a nova marca, Quinta de Arufe, com produtos que produzem dentro do grupo”. “Para além da castanha, que é o produto rainha, vamos comercializar queijo e azeite transmontano”, adianta. O objetivo desta nova marca é conquistar os mercados externos, mas também afirmar-se no mercado nacional.

Os produtos da Quinta de Arufe já estão disponíveis através de loja online e “em breve estará nas bancas e nas grandes superfícies”, adianta o administrador.

A Sortegel transforma dez mil toneladas de castanha por ano, têm duas quintas com produção própria de castanha e compram em toda a região castanha para transformar. “A transformação que fazemos é pelar a castanha e congelar. Toda a castanha congelada que se consome em Portugal é nossa”, conta com orgulho Hugo Soares.

Da produção anual de castanha da Sortegel cerca de 25% destina-se à comercialização em fresco sendo os restantes 75% destinados ao descasque e congelação. O grupo exporta entre 70 a 80% da produção de castanha principalmente para Itália, França e Alemanha. O ano passado a Sortegel faturou 27 milhões de euros.

A Sortegel nasceu em 1987, está localizada em Bragança, historicamente uma região de grandes plantações de castanheiros. O grupo conta com cerca de 400 hectares de produção própria de castanha com apanha mecânica e manual e emprega mais de 150 pessoas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Produtos transmontanos têm uma nova marca

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião