Maior consumo baixa taxa de poupança na Zona Euro para 15%

Ainda assim, é a mais alta taxa de poupança das famílias entre 1999 e 2019, antes da pandemia. Reabertura da economia incentivou uma maior utilização do rendimento para o consumo.

A taxa de poupança na Zona Euro caiu para 15% no final do terceiro trimestre de 2021, menos 4 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior. É a taxa mais baixa desde o início da pandemia, no primeiro trimestre de 2020, de acordo com o Eurostat.

“É, ainda assim, mais alta do que qualquer valor desde o início da série até ao surgimento da pandemia, entre 1999 e 2019”, assinala o gabinete de estatísticas europeu esta terça-feira.

A pandemia obrigou os Governos em toda a região a confinamentos durante 2020 e também em alguns períodos de 2021, o que condicionou fortemente a atividade de consumo das famílias. Porém, com os planos de vacinação em curso, a reabertura das economias ao longo do ano passado permitiu uma normalização da atividade e uma maior utilização do rendimento disponível para o consumo.

A descida da taxa de poupança é explicada pelo consumo, que subiu 5,8%, enquanto o rendimento disponível bruto aumentou a uma taxa baixa, em 0,8%”, detalha o Eurostat.

Em Portugal, a taxa de poupança está abaixo da média do euro, situando-se nos 11,3% do rendimento disponível no terceiro trimestre, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE). Como na Zona Euro, a taxa portuguesa também está em queda.

A quebra na poupança na Zona Euro ocorreu simultaneamente com o aumento do investimento das famílias, cuja taxa subiu de 9,4% para 9,6% no terceiro trimestre, o valor mais alto desde 2009.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Maior consumo baixa taxa de poupança na Zona Euro para 15%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião