Faleceu o sócio da VCA Paulino Brilhante Santos

O velório terá lugar na quarta-feira às 19h00 na Igreja São João de Deus na Praça de Londres e a missa na quinta-feira às 10h30.

O sócio da Valadas Coriel & Associados (VCA), Paulino Brilhante Santos, faleceu, aos 61 anos, devido a uma queda nas instalações da IP. “A advocacia acaba de perder um grande causídico. Eu acabo de perder um grande amigo”, afirma João Valadas Coriel, managing partner da VCA.

“Sportinguista ferrenho, conhecido pela sua irreverência e personalidade indomável, Paulino Brilhante Santos deixa uma marca indelével na advocacia portuguesa e internacional“, refere a VCA.

Paulino Brilhante Santos era sócio da VCA desde 2011. Licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e advogado especialista em Direito Fiscal, era coordenador do departamento Fiscal, Energia e Projetos Internacionais da sociedade, tendo estado recentemente envolvido em vários projetos com a Comissão Europeia através do network Grimaldi Alliance.

Estagiou com Medina Carreira, ingressou na Arthur Andersen, teve escritório próprio com Vítor Félix, integrou o Grupo Legal Português, precursor dos grandes escritórios de advocacia portugueses, trabalhou na missão das Nações Unidas no Kosovo e na Miranda & Associados. Foi dos primeiros advogados a quem foi reconhecido o grau de especialista em Direito Fiscal e foi, desde a primeira hora, árbitro no CAAD.

Assessorou governos e grandes empresas em operações de privatização, parcerias público privadas e concessões. Adquiriu experiência relevante em projetos de reforma legal, institucional e fiscal de vários países, tendo trabalhado em países como Angola, Brasil, Jordânia, Libéria, Moçambique, Nicarágua, Kosovo, Rússia e Ucrânia.

“O Paulino fazia jus ao seu nome: era verdadeiramente Brilhante. Polemista, dono de uma cultura enciclopédica, era das pessoas mais interessantes que alguma vez conheci e com quem tive o gosto de trabalhar. Íntegro, obstinado, irreverente, extremamente inteligente e de uma generosidade incomensurável, o Paulino era também, e acima de tudo, um amigo do seu amigo e um Ser com um coração gigante”, refere João Valadas Coriel.

O managing partner da VCA, acrescenta que “neste momento de profunda dor para todos nós, toda a equipa da VCA endereça um abraço de enorme solidariedade à sua família, principalmente à sua mãe e à sua irmã“. João Valadas Coriel termina, afirmando: “Hoje, a advocacia portuguesa está de luto”.

O velório terá lugar na 4ª feira (12 de janeiro) às 19h00 na Igreja São João de Deus na Praça de Londres (aberto a todos) e a missa terá lugar na 5ª feira (13 de janeiro) às 10h30.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Faleceu o sócio da VCA Paulino Brilhante Santos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião