Morreu Jean-Yves Verlingue. Histórico na corretagem de seguros em França tinha 94 anos

  • ECO Seguros
  • 25 Janeiro 2022

Esteve perto de 50 anos à frente da corretora e construiu os alicerces do que é hoje a Verlingue. Também fundou um museu, em Quimper, dedicado à arte ceramista da Bretanha.

Líder histórico do grupo francês de corretagem em seguros, Jean-Yves Verlingue faleceu a 22 de janeiro, aos 94 anos. “Foi uma pessoa generosa, de grande simplicidade, um espírito com uma vivacidade extraordinária, sincero e atencioso com os colaboradores e os interlocutores,” lê-se na nota em que o grupo noticia o falecimento.

Tinha 19 anos quando, guiado pelo pai (Jules Verlingue), se iniciou na atividade de seguros. Desenvolveu a Verlingue, que dirigiu entre 1946 e 1993, cimentando os pilares e valores que orientam as empresas da holding. Pai de Jacques Verlingue, atual presidente do Groupe Adelaïde, holding familiar que controla as empresas do grupo, o empreendedor faleceu deixando os netos Audrey e Benjamin, representantes da 4ª geração da família, já integrados no negócio segurador.

Com raízes na Bretanha, somando perto de 90 anos de experiência iniciada em 1933 e consolidada com Jules Verlingue, o grupo Adelaïde emprega cerca de 2.100 pessoas e gere 2,6 mil milhões de euros em volume de prémios. Atualmente, com três empresas (Verlingue, Génération e Coverlife-Cocoon), é uma das principais entre corretoras de seguros em França, internacionalizada e com 35% da receita gerada na Europa.

Depois de iniciar atividade em Portugal no ano 2015, através da Génération (subsidiária de corretagem em linhas comerciais de planos de Saúde e Previdência), o grupo de origem familiar e de capital independente adquiriu a Luso Atlântica em dezembro de 2020, entretanto redenominada Verlingue Portugal.

Presidida por Jacques, também mecenas de artistas internacionais, e tendo como Diretor-Geral Gilles Beneplanc, a Verlingue é a maior empresa do grupo Adelaïde. O plano estratégico do grupo (Impact 24) elegeu crescimento orgânico e aquisições para chegar a 2024 com 400 a 500 milhões de euros de receita anual, contando que a atividade internacional represente 30% do volume de negócios em corretagem de seguros (aconselhamento e intermediação) junto de empresas, profissionais e particulares.

Museu dedicado à tradição ceramista e faianças da Bretanha

Junto com a atividade empresarial nos seguros, Jean-Yves dirigiu as Faïenceries de Quimper e a Faïencerie d’Art Breton e colecionou arte. A relação histórica dos Verlingue às louças e faianças da cidade capital de Finistère, na Cornualha francesa, remonta a 1917 quando o seu pai Jules assumiu sociedade na Grande Maison HB.

Após o fecho das Faïenceries Quimper e poucos anos antes de entregar a presidência do negócio segurador ao filho atual presidente da holding, Jean-Yves Verlingue e o filho Bernard Jules, animados pelo respeito da família à tradição ceramista criaram o museu local (Musée de Faïence de Quimper), inaugurado em 1991. Depois de 30 anos de dedicação ativa ao museu que celebra a cerâmica decorativa produzida região, o desaparecimento de Jean-Yves motiva homenagens e reconhecimento da comunidade ligada à faiança e ao museu (Amis du Musée et de la Faïence de Quimper) onde estão milhares de peças de artesãos e fábricas com origem seiscentista.

Bernard Jules Verlingue é quem organiza as coleções e coordena as visitas guiadas que ali se realizam todos os anos, entre abril e setembro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Morreu Jean-Yves Verlingue. Histórico na corretagem de seguros em França tinha 94 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião