ISQ desenvolve manutenção de turbinas eólicas que poupa tempo e dinheiro

Está em curso o projeto Easy Platform, no qual participa o português ISQ, em parceria com a Eptune Engineering. Foi desenvolvido no Laboratório de ensaios Especiais do ISQ, em Castelo Branco.

Já parou para pensar como é feira a manutenção das turbinas eólicas, muitos metros acima do solo, em condições instáveis e sujeitas a ventos e intempéries? Até agora, este trabalho era habitualmente realizado por meio de cordas ou plataformas de alumínio suspensas, colocando em causa a segurança dos técnicos.

Além disso, esta atividade só seria viável se as condições climatéricas o permitissem, levando a uma redução de 40 a 70% do tempo disponível para estas operações ao longo do ano.

Como consequência, estas limitações na manutenção das turbinas eólicas não só encarecem os custos de manutenção (que se torna ainda mais dispendiosa) como geram significativas perdas na produção de energia. As reparações necessárias são muitas vezes causadas, por exemplo, por danos resultantes de impactos de aves, quedas de relâmpagos ou avarias nos seus sistemas mecânicos ou elétricos.

Para evitar este cenário e reduzir custos, está em curso o projeto Easy Platform, no qual participa o português ISQ, em parceria com a Eptune Engineering. Em causa está então o desenvolvimento de uma plataforma de trabalho mais flexível na sua utilização e instalação, através de técnicas de fixação mais avançadas e otimizadas.

A nova plataforma será equipada com sistemas de proteção avançados que permitem a sua utilização em condições meteorológicas desfavoráveis. Dessa forma, permite intervenções mais seguras, aumentando o número de dias anuais em que as mesmas podem ser realizadas.

O processo foi desenvolvido no Laboratório de ensaios Especiais do ISQ (localizado em Castelo Branco) e no LABMAT-Unidade de Ensaios Mecânicos (UEM), com o desenvolvimento e realização de uma série de ensaios a materiais, componentes e estruturas metálicas tais como: força magnética de ancoragem; força limite de ventosas ativas; caracterização de cordas e de avaliação de estruturas metálicas; caracterização de resistência mecânica de materiais utilizados no projeto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

ISQ desenvolve manutenção de turbinas eólicas que poupa tempo e dinheiro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião