BCP vai pagar 13,6 milhões em dividendos. Dá 0,09 cêntimos por ação

Instituição vai distribuir ainda 5,69 milhões de euros pelos colaboradores, relacionados com a devolução prometida aquando do corte de salários entre 2014 e 2017.

O BCP vai pagar aos acionistas 13,6 milhões de euros em dividendos, o equivalente a 0,09 cêntimos por ação. O presidente da instituição já tinha anunciado que o dividendo a distribuir seria “bastante moderado” e a confirmação chegou esta segunda-feira, no Relatório e Contas de 2021.

Na sequência de um lucro individual de cerca de 90 milhões de euros no ano passado, o conselho de administração do BCP propõe a distribuição de 13.602.590,96 euros aos acionistas, o que resulta num dividendo por ação de 0,0009 euros (0,09 cêntimos), refere o documento.

Em fevereiro deste ano, Miguel Maya e Nuno Amado já tinham anunciado que o banco iria pagar um dividendo “bastante moderado”. “A intenção é voltar aos dividendos, mas de forma bastante moderada”, disse o chairman Nuno Amado, na conferência de imprensa de apresentação dos resultados.

O banco nota, contudo, que “não é possível determinar com exatidão o número de ações próprias que estarão em carteira à data do pagamento de dividendos”.

O conselho de administração propõe ainda a distribuição de 5,69 milhões de euros pelos colaboradores, um montante que tem a ver com a devolução prometida quando o banco cortou os salários durante o período de ajustamento entre 2014 e 2017. “A determinação concreta do montante concreto a atribuir a cada colaborador seja fixado pela Comissão Executiva, sendo liquidado juntamente com a remuneração correspondente a junho de 2022″.

O BCP alcançou em 2021 um lucro consolidado de 138 milhões de euros, o equivalente a uma descida de 25% face a 2020. A instituição justifica este resultado com com os encargos de 532,6 milhões de euros para se proteger dos riscos associados à carteira de créditos em francos suíços concedidos pela subsidiária na Polónia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BCP vai pagar 13,6 milhões em dividendos. Dá 0,09 cêntimos por ação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião