Abramovich pertence e financia organização russa que o certificou como sefardita português

  • ECO
  • 7 Abril 2022

Além de financiar comunidades judaicas russas, Roman Abramovich distribuiu cerca de 500 milhões de euros por instituições judaicas de vários países desde 1999.

Roman Abramovich lidera o conselho de administração da Federação das Comunidades Judaicas da Rússia (FCJR), organismo que o certificou como sefardita, permitindo-lhe garantir a naturalização como português. Porém, o envolvimento do milionário russo não se fica pelas comunidades judaicas russas, já que Abramovich terá feito avultadas doações também a instituições judaicas espalhadas pelo mundo, noticia esta quinta-feira o Público (acesso condicionado).

O jornal escreve que, além das doações a comunidades judaicas russas, estima-se que o dono do Chelsea tenha doado, nas últimas duas décadas, cerca de 500 milhões de euros a instituições judaicas distribuídas pela Rússia e Israel, como também pelos Estados Unidos, Reino Unido, Lituânia e Portugal.

Citando uma investigação publicada em abril de 2017 pelo Politico Magazine, o Público revela que a veia filantrópica de Abramovich teve início em 1999, mas que a motivação seria parte da estratégia de consolidação de poder de Boris Ieltsin e de Vladimir Putin, que assumiu a presidência da Rússia em maio de 2000. Segundo a publicação norte-americana, o objetivo era criar uma estrutura judaica leal ao poder, em substituição da já existente.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Abramovich pertence e financia organização russa que o certificou como sefardita português

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião