VW, Activobank e Banco CTT lideram nas queixas à banca

Houve menos queixas na banca em 2021, mas dispararam no crédito ao consumo, onde o Volkswagen Bank foi o mais visado. Activobank liderou queixas nas contas e Banco CTT no crédito da casa.

Os bancos tiveram menos queixas dos seus clientes no ano passado, com o Banco de Portugal a dar conta de mais de 19 mil reclamações. Houve instituições mais visadas do que outras. Volkswagen Bank, Activobank e Banco CTT estiveram entre os mais reclamados em 2021.

No Relatório de Supervisão Comportamental, o Banco de Portugal adianta que foram dirigidas aos bancos 19.322 reclamações, numa média mensal de 1.610 reclamações, representando uma redução de 1,7% face a 2020 que se deveu à queda nas reclamações relacionadas com as moratórias.

Dispararam as queixas no crédito ao consumo, que subiram 16,4% para 5.724 reclamações no ano passado, “sobretudo a respeito de cartões de crédito”, adianta o supervisor.

Na lista de instituições mais visadas nos financiamentos para o consumo, o Volkswagen Bank destacou-se: recebeu um total de 2,84 queixas por cada mil contratos desta natureza, o que compara com uma média de 0,45 por cada mil destes contratos. Ficou à frente do BNI Europa, com 2,48 queixas por mil contratos, e de outra financeira do setor automóvel, o RCI Banque, com 2,29 queixas.

Já no que diz respeito aos depósitos bancários, o segundo produto mais reclamado em 2021, o Activobank voltou a ser a instituição que teve mais reclamações (como em 2020), na ordem dos 0,62 queixas por cada mil contratos, mais do dobro da média (0,30 queixas). Seguiram o Banco CTT (0,58 queixas) e BBVA (0,57 queixas).

Em relação ao crédito da casa, também o Banco CTT repete o primeiro lugar da lista dos mais reclamados, tendo contabilizado 4,36 queixas por cada mil contratos, bem acima da média do setor que foi de 1,11 queixas em mil contratos. O banco dos Correios surge bem destacado no ranking, à frente o Banco Montepio (1,57 queixas) e Novobanco (1,29 queixas).

Crédito ao consumo, depósitos bancários e crédito da casa representaram mais de 70% das mais de 19 mil queixas na banca no ano passado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

VW, Activobank e Banco CTT lideram nas queixas à banca

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião