Direto Moção de censura ao Governo chumbada no Parlamento

Moção de censura do Chega trouxe a debate as falhas na saúde e as medidas do Governo para lidar com o aumento do custo de vida, mas acabou chumbada.

O Governo enfrentou esta quarta-feira a primeira moção de censura, mas esta acabou chumbada. O documento apresentado pelo Chega serviu para o primeiro-ministro se tentar defender-se, na Assembleia da República, relativamente aos problemas nos serviços de saúde.

A moção de censura apontou ainda o dedo à subida do preço dos combustíveis e à “completa falta de articulação no seio do Governo e desautorização e fragilização extrema de alguns ministros”, sobretudo depois do mal-estar gerado pelo despacho relativo ao futuro do aeroporto de Lisboa.

A moção acabou chumbada com os votos a favor do Chega, a abstenção do PSD e Iniciativa Liberal e os votos contra do PS, PCP, Bloco de Esquerda e dos deputados únicos do PAN e do Livre.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Moção de censura ao Governo chumbada no Parlamento

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião