5 em 1. Startups portuguesas querem revolucionar hotelaria

Decidiram juntar-se para serem mais fortes: cinco startups portuguesas criaram uma empresa cinco em um, a HotelUp, para revolucionarem a hotelaria.

Cada uma tem a sua história mas agora decidiram que, juntas, podem ser mais fortes e aumentar o impacto do que fazem. B­Guest, Climber, Infraspeak, TeamOutLoud e VPS são cinco startups portuguesas ligadas ao setor da hotelaria, e decidiram criar o Hotel­Up, um consórcio que tem como objetivo potenciais e revolucionar o seto da hotelaria.

Assim, à plataforma de marketing digital BGuest, que permite aos hotéis comunicar com os seus hóspedes antes, durante e depois das suas estadias, junta-se a solução de gestão de preços da Climber Hotel e a de centralização de informação da InfraSpeak. O serviço da HotelUp inclui ainda a aplicação social empresarial e uma ferramenta de reconhecimento entre colaboradores da TeamOutLoud e a ferramenta de gestão de energia da Virtual Power Solucions.

Em conjunto, as cinco empresas contam com cerca de 60 trabalhadores e cinco milhões de financiamento e, juntas, trabalham com 189 hotéis. Na lista, incluem-se unidades hoteleiras dos grupos Vila Galé, Pestana, Sheraton, Intercontinental, Bairro Alto Hotel e Discovery Hotel Management (DHM), entre outras.

 

De acordo com Felipe Ávila da Costa, fundador da Infraspeak, “a combinação de recursos humanos altamente qualificados, um mercado turístico forte e um ecossistema de empreendedorismo que cada vez mais incentiva e apoia os empreendedores, coloca Portugal numa posição privilegiada para liderar a inovação neste setor”.

Comentários ({{ total }})

5 em 1. Startups portuguesas querem revolucionar hotelaria

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião