Ferrari. Modelo Aperta custa 2,1 milhões e, sim, está esgotado

Edição limitada do LaFerrari Aperta promete aquecer os resultados da marca italiana.

Com a produção limitada a apenas 200 unidades, a Ferrari já vendeu todos os LaFerrari Aperta mesmo antes de terem sido colocados à venda ao público e do preço estar ao alcance de poucas bolsas: custa 2,1 milhões de dólares.

“Para nós, o lançamento de uma edição limitada é uma forma de premiar os nossos clientes”, ressalvou o diretor de vendas da Ferrari, Enrico Galliera, à Bloomberg, durante o Salão Automóvel de Paris, onde a fabricante italiana está a concentrar as atenções dos visitantes com o seu super-carro que celebra a história da marca.

 

Desengane-se quem pense que o elevado preço do Aperta afugentou interessados. A procura por esta edição exclusiva foi tão intensa que um colecionador privado processou a Ferrari por ter sido excluído da lista de compradores, num sinal do sólido interesse dos fãs da marca italiana. Um dos compradores é o conhecido chef Gordon Ramsay.

Além do Aperta, a Ferrari apresentou o seu modelo GTC4 Lusso T. De acordo com Galliera, o lançamento deste modelo de quatro lugares vem preencher uma lacuna que a marca sentiu. “Muitos clientes estavam à procura de algo diferente. Procuravam a mesma emoção de conduzir um Ferrari – que é desportivo e versátil. Porém, ao mesmo tempo, está desenhado para ser conduzido todos os dias”, referiu o responsável.

Outrora uma unidade da Fiat Chrysler Automobiles, a Ferrari estreou-se na bolsa em novembro passado com um preço de 52 dólares por ação. Desde então que a fabricante tem estado sob pressão da parte do mercado – atingiu um mínimo nos 32 dólares em fevereiro – para apresentar uma estratégia atraente e inovadora e capacidade para trabalhar sem o apoio da grande fabricante que é a Fiat Chrysler. A Ferrari já tentou expandir o seu negócio além do setor automóvel, desafiou as marcas de luxo como a Hèrmes e Louis Vitton, mas falhou.

Agora, os olhares centram-se nestes dois modelos, com os quais a marca espera alimentar os resultados. A Ferrari deverá atingir receitas de três mil milhões de dólares este ano, mais 100 milhões do que no ano passado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Ferrari. Modelo Aperta custa 2,1 milhões e, sim, está esgotado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião