Amancio Ortega compra Torre Cepsa por 490 milhões

Dono da Zara volta a investir centenas de milhões em imobiliário. Operação é uma das mais importantes do sector em Espanha.

Amancio Ortega, o milionário e dono do império Inditex, fundador da Zara, comprou a Torre Cepsa em Madrid por 490 milhões de euros. O edifício é um dos quatro arranha-céus do complexo Cuatro Torres, no norte da cidade. O negócio, feito pela imobiliária de Ortega, Pontegadea, foi concretizado depois de o galego ter apresentado uma oferta de compra ao IPIC, o fundo estatal de Abu Dabi, dono da Cepsa, inquilina do edifício desde 2013. O edifício pertencia agora ao Bankia.

O negócio ter-se-á realizado em dois momentos, de acordo com o diário espanhol Cinco Días. Amancio Ortega compra assim mais um edifício emblemático da capital espanhola depois de, em 2011, ter desembolsado 400 milhões de euros para comprar a Torre Picasso, o número 32 da Gran Vía, em Madrid. Além de edifícios de Madrid, o dono da Inditex tem um largo património em edifícios de cidades como Londres, Paris, Nova Iorque e até Lisboa.

A venda da Torre Cepsa é considerada uma das operações chave do mercado imobiliário espanhol. O imóvel conta com uma superfície de mais de 109.000 metros quadrados de escritórios e quase 40 mil metros quadrados em cinco andares de garagens. Depois da compra, o edifício continuará a ser arrendado à Cepsa. A Pontegadea, a empresa imobiliária de Ortega, fechou 2015 com um volume total de ativos de 6.058 milhões de euros, quase mais 500 milhões do que no ano anterior.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Amancio Ortega compra Torre Cepsa por 490 milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião