Orçamento passa no primeiro teste: BE e PCP aprovam documento na generalidade

  • Margarida Peixoto
  • 24 Outubro 2016

O OE/2017 já tem aprovação garantida no primeiro voto parlamentar, agendado para 4 de novembro. Mas tanto o PCP como o BE querem fazer alterações na especialidade.

O primeiro teste está ultrapassado: tanto o PCP como o Bloco de Esquerda vão aprovar a proposta de Orçamento do Estado para 2017, na generalidade. Depois do anúncio, no fim de semana, de Catarina Martins, Jorge Cordeiro, membro do comité central dos comunistas, confirmou também o voto favorável do PCP ao documento.

Em declarações à TSF, esta segunda-feira, Jorge Cordeiro assumiu que vê “alguns elementos positivos” na proposta orçamental do Governo e confirmou o voto favorável. Contudo, defendeu que algumas medidas são insuficientes e avisou que em alguns dossiers, como é o caso das questões sobre administração pública, o PCP quer “ir mais longe”.

Há dois dias, a coordenadora do Bloco de Esquerda confirmou o mesmo sentido de voto favorável: “No deve e no haver, em 2017, quem vive do trabalho será mais respeitado e, por isso, o BE vai votar a favor na generalidade”, disse, no encerramento de uma conferência nacional do partido, na Faculdade de Ciências de Lisboa.

Desta forma, a proposta do Governo já tem aprovação garantida na generalidade, uma votação que está agendada para 4 de novembro.

A discussão vira-se agora para a especialidade, onde os dois partidos de esquerda assumem que querem fazer alterações ao OE/2017. Em foco estão as matérias da eliminação progressiva da sobretaxa de IRS e as pensões, para além da Função Pública, conforme adiantou Jorge Cordeiro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Orçamento passa no primeiro teste: BE e PCP aprovam documento na generalidade

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião