Opening Bell do Nasdaq vai ser a partir do Web Summit em Lisboa

Num dos dias mais agitados nos mercados financeiros, o Opening Bell do Nasdaq vai acontecer a partir de Lisboa

Com a vitória de Donald Trump nas eleições norte-americanas, todos os olhos vão estar hoje postos na aberturas das bolsas em Nova Iorque.

No Nasdaq, a cerimónia simbólica de abertura vai acontecer remotamente a partir de Lisboa, que por estes dias alberga centenas de empresas tecnológicas de todo o mundo no Web Summit.

Segundo um comunicado publicado na página de internet do Nasdaq, este é o quarto o ano consecutivo que o o Opening Bell acontece no palco do Web Summit, sendo que nos três anteriores o “toque de abertura” aconteceu em Dublin, na Irlanda.

O Web Summit é um dos maiores eventos de tecnologia e empreendedorismo do mundo, tendo este ano reunido mais de 51 mil CEO de empresas tecnológicas, investidores, donos de startups, líderes políticos, e um sem números de órgãos de comunicação social a acompanhar o evento que está a decorrer no MEO Arena, Parque das Nações.

“Em honra ao sucesso do Web Summit, o co-fundador e CEO do evento, Paddy Cosgrave vai tocar o sino de abertura”, lê-se no comunicado do Nasdaq.

Nesta altura, os contratos futuros sobre o índice tecnológico Nasdaq seguiam em queda de 2,07% para 4.702 pontos.

Paddy Cosgrave, CEO do Web Summit.
Paddy Cosgrave, CEO do Web Summit.Mariana de Araújo Barbosa/ECO

Comentários ({{ total }})

Opening Bell do Nasdaq vai ser a partir do Web Summit em Lisboa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião