Corticeira Amorim aprova dividendo extraordinário bruto de oito cêntimos

  • Lusa
  • 28 Novembro 2016

Acionistas da Corticeira Amorim, reunidos em assembleia extraordinária, aprovaram a distribuição parcial de reservas no valor de 10,6 milhões de euros.

São oito cêntimos por ação que os acionistas da Corticeira Amorim vão receber de dividendo bruto. Esta foi a decisão tomada esta segunda-feira de distribuir parcialmente 10,6 milhões de euros de reservas da empresa.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Corticeira Amorim adianta que foi aprovado, “por unanimidade, a proposta de distribuição parcial de reservas distribuíveis no montante de 10.640.000 euros (…), equivalente ao valor bruto de 0,08 euros por ação”, a distribuir a partir de 16 de dezembro.

“O pagamento dos dividendos processar-se-á através da Central de Valores Mobiliários, sendo agente pagador o Banco BPI, S.A”, refere a empresa, noutro comunicado.

Ainda durante a assembleia-geral extraordinária foi aprovado por unanimidade o balanço intercalar individual da sociedade, reportado a 30 de setembro.

Recorde-se que no passado dia 4 de novembro a Amorim International Participations e a Investmark, sociedades detidas por António Ferreira Amorim e por Américo Ferreira Amorim, venderam de 10% do capital da Corticeira Amorim, que corresponde a um encaixe de 105,07 milhões de euros.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Corticeira Amorim aprova dividendo extraordinário bruto de oito cêntimos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião