Um quarto dos portugueses espera pelos saldos para comprar presentes

Este ano, houve mais consumidores a esperar pela época de saldos para comprar alguns dos últimos presentes de Natal.

Quase um quarto dos portugueses decidiu esperar pela época de saldos para comprar alguns dos últimos presentes. A conclusão é do mais recente estudo do Observador Cetelem, que aponta que 23% dos consumidores prefere aproveitar as promoções pós-Natal, mais do que os 20% registados em 2015.

Segundo o estudo, são as mulheres quem mais aproveitam os saldos nesta época, com 28% das consumidoras a referirem que deixam algumas das compras de Natal para esta altura. Já os homens seguem menos esta tendência (18%). Em termos etários, são as gerações dos 18 aos 24 e dos 25 aos 34 anos (27%, em ambos os casos) que mais aguardam pela época de saldos para comprar os últimos presentes.

É sobretudo no sul (30%) que os consumidores esperam pelas promoções, muito mais que no norte (22%) e no centro (20%).

“Voltámos a verificar, este ano, que as pessoas entre os 45 e os 55 anos têm vindo a perder interesse em esperar pela época de saldos. Até 2013, a sua intenção de guardar algumas compras para este período era das mais elevadas entre todas as faixas etárias, mas essa tendência parece ter desaparecido e, a partir de 2014, são as gerações de jovens e de jovens adultos que mais aproveitam os preços baixos das promoções”, conclui Pedro Camarinha, diretor de distribuição do Cetelem.

A época de saldos pós-Natal arrancou logo no dia 26 e há muito por onde escolher. Dos eletrodomésticos à roupa, veja aqui as sugestões do ECO.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Um quarto dos portugueses espera pelos saldos para comprar presentes

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião