Carlos Slim diz que Trump é um negociador e “não um exterminador”

  • Lusa
  • 28 Janeiro 2017

O magnata mexicano afirmou que o seu país está em posição de força nas negociações com o Presidente norte-americano, Donald Trump, sublinhando que este “é um negociador e não um exterminador”.

O magnata mexicano Carlos Slim afirmou na sexta-feira que o seu país está em posição de força nas negociações com o Presidente norte-americano, Donald Trump, sublinhando que este “é um negociador e não um exterminador”.

Slim convocou uma conferência de imprensa para falar sobre a crise diplomática entre os Estados Unidos e o México por causa do muro que Donald Trump quer construir na fronteira para acabar com a imigração ilegal.

"Para colocar a questão em termos cinematográficos, penso que Trump não é um exterminador, é um negociador.”

Carlos slim

Donald Trump quer enviar a fatura do muro ao México, que tem repetido que não a vai pagar. “Para colocar a questão em termos cinematográficos, penso que Trump não é um exterminador, é um negociador”, disse Slim. Segundo o milionário mexicano, o Presidente norte-americano procura “provocar para negociar”.

Slim mostrou-se confiante quanto à realização para breve de uma reunião entre o Presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, e o seu homólogo norte-americano, devido à importância da relação entre os dois Estados.

Donald Trump indicou em várias ocasiões que pretende renegociar o Tratado de Comércio Livre entre EUA, Canadá e México, o designado NAFTA, assinado há mais de duas décadas, entre os Estados Unidos, o Canadá e o México.

Carlos Slim, que criticou Trump durante a campanha presidencial, jantou com ele na Florida em dezembro depois da sua eleição e disse não ter tido mais contactos com o líder norte-americano desde esse encontro.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Carlos Slim diz que Trump é um negociador e “não um exterminador”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião