Kraft Heinz tentou comprar Unilever por 130 mil milhões

A Kraft Heinz ofereceu 130 mil milhões de euros pela Unilever, mas a empresa anglo-holandesa rejeitou a proposta. Negociações para uma fusão continuam.

A Kraft Heinz, um grupo alimentar detido pela brasileira 3G e pelo multimilionário Warren Buffett, tentou comprar a Unilever UNIA 0,00% num negócio avaliado em 112 mil milhões de libras (cerca de 130,7 mil milhões de euros).

A proposta de aquisição foi confirmada pela própria Kraft Heinz, que revelou ter “feito uma oferta abrangente à Unilever para fundir os dois grupos e criar uma empresa de bens de consumo líder com uma missão de crescimento de longo prazo e vida sustentável”.

Acrescentou ainda que: “Apesar da Unilever ter rejeitado a proposta, esperamos trabalhar no sentido de alcançar um acordo sobre os termos da transação. Não pode haver certeza de que qualquer outra proposta formal será feita à administração da Unilever ou que será mesmo feita uma oferta”.

"Apesar da Unilever ter rejeitado a proposta, esperamos trabalhar no sentido de alcançar um acordo sobre os termos da transação.”

Kraft Heinz

Comunicado

A concretizar-se, o negócio unirá algumas das maiores marcas na indústria global de bens de consumo, juntando marcas como a Dove e Knorr a marcas como a Philadelphia ou Heinz Ketchup, numa altura de abrandamento do negócio entre as principais empresas do setor.

A Kraft Heinz anunciou esta semana uma queda das vendas no quarto trimestre, assegurando que vai cortar mais os custos no seio da empresa que resultou da fusão operada por Buffett e a 3G Capital, em 2015. O objetivo passa por alcançar poupanças anuais de 1,7 mil milhões de dólares até 2018.

As ações da Unilever estão a disparar quase 10% para 43,42 euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Kraft Heinz tentou comprar Unilever por 130 mil milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião