Um clássico, um ponto para cada lado

  • Lusa e ECO
  • 1 Abril 2017

Benfica e Porto chegaram ao clássico separados por um ponto, com vantagem para os encarnados. Ao final dos 90 minutos, com um golo para cada lado, houve divisão de pontos.

O Benfica e o FC Porto empataram a um golo no clássico. No jogo grande da 27.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, os encarnados marcaram primeiro, mas Maxi Pereira empatou o jogo, resultado que se manteve até ao final. O Benfica mantém-se, assim, na liderança do campeonato.

O brasileiro Jonas, que celebrou o seu aniversário, inaugurou o marcador aos sete minutos, na marcação de grande penalidade. Marcou, colocando o Benfica em vantagem, mas o marcador voltou a mexer já na segunda parte do encontro.

Depois de Jonas, foi a vez do uruguaio Maxi Pereira, ex-jogador dos encarnados, conseguir colocar a bola no fundo das redes defendidas por Ederson. Empatou o jogo aos 49 minutos, mantendo-se a igualdade a uma bola até final, o que levou as duas equipas a ficarem com um ponto cada.

Nas casas de apostas o empate era o resultado menos provável, gerando o maior ganho para os apostadores. A maioria dos apostadores apontava para um vitória do Benfica por uma bola a zero (resultado que dava um ganho de cinco euros), mas os encarnados acabaram por ceder um empate em casa.

Com este resultado, o Benfica continua, no entanto, na liderança do campeonato nacional de futebol. Soma 65 pontos, mais um do que o FC Porto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Um clássico, um ponto para cada lado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião