Macron alvo de ataque informático. Documentos acabam na internet

  • ECO
  • 6 Maio 2017

O candidato melhor posicionado nas sondagens anunciou ter sido vítima de um ataque informático "massivo" que expôs documentos da campanha. Hackers terão misturado documentos falsos com os reais.

Emmanuel Macron foi vítima de um ataque informático “massivo” que expôs uma grande quantidade de documentos roubados à campanha do movimento “En Marche!”, alegadamente a partir de contas de e-mail ligadas ao mesmo. A informação foi avançada esta sexta-feira num comunicado emitido pela campanha do movimento “En Marche!”, minutos antes do início do período de reflexão que proíbe qualquer ação de campanha eleitoral.

Segundo a Bloomberg, o comunicado indica que os hackers terão misturado documentos reais da campanha com documentos falsos e que as atividades expostas pelos documentos são completamente legais. Com receio de que o incidente influencie o resultado da segunda volta das presidenciais este domingo, as autoridades francesas pediram à comunicação social que evite publicar detalhes sobre os mesmos.

Este domingo, os franceses vão às urnas para escolher o próximo presidente. Nesta segunda volta, Macron concorre contra a candidata da extrema-direita, Marine Le Pen. A campanha ficou marcada por grande crispação entre os candidatos e Macron segue à frente nas intenções de voto com uma distância de 24 pontos percentuais. No entanto, os investidores estão atentos ao desenrolar das eleições, face às intenções de Le Pen de cortar laços com a União Europeia, caso seja eleita.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Macron alvo de ataque informático. Documentos acabam na internet

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião