A Science4you não brinca: venda de brinquedos cresce 44%

  • ECO
  • 11 Maio 2017

A empresa portuguesa de brinquedos educativos cresce em lucros e novos mercados. A Science4you já está em 35 países e a diversão rendeu 16,3 milhões à empresa.

Não são só as crianças que crescem: a Science4you cresce com elas. A empresa portuguesa de brinquedos está sólida no mercado nacional, por isso a aposta será além-fronteiras. Quase a soprar as 10 velas, o crescimento deverá continuar focado em Espanha, Reino Unido, Polónia e Finlândia.

De acordo com o comunicado da empresa, em 2016 o crescimento das vendas foi de 44%, até atingir os 16,3 milhões de euros. Mas a Science4you quer melhorar a matemática e chegar aos 23 milhões de euros em vendas em 2017. Até hoje está presente em mais de 20.000 pontos de venda, distribuindo-se pelas prateleiras de retalhistas de renome como a Hamleys, Harrods, Tesco e John Lewis, no Reino Unido, Toys r us e FNAC, em França, ou a Art&Hobby, na Irlanda. Os resultados de 2017 deverão apoiar-se em 50% nas vendas em países estrangeiros, refere a empresa.

A Science4you ocupou-se ainda de outras “distrações” em 2016. Inaugurou um centro de conhecimento para otimizar o ciclo de desenvolvimento, produção e venda dos brinquedos. Os campos de férias, festas de aniversários e workshops também chegaram a dois novos destinos, Almada e Coimbra.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

A Science4you não brinca: venda de brinquedos cresce 44%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião