Benfica vende Ederson por 40 milhões de euros ao City

O guarda-redes brasileiro do Benfica foi vendido por 40 milhões de euros ao clube inglês Manchester City. O clube das águias arrecada 20 milhões de euros.

Agora é oficial: Ederson foi mesmo vendido pelo Benfica. O guarda-redes que ajudou o clube da Luz a conseguir o primeiro tetracampeonato da sua história vai deixar as águias rumo ao Manchester City. Para o Benfica vem um cheque de 40 milhões de euros que faz de Ederson, o segundo guarda-redes mais valioso de sempre, apenas atrás da transferência do italiano Gianluigi Buffon para a Juventus.

“A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa, nos termos e para o efeito do disposto no artigo 248º do Código dos Valores Mobiliários, que chegou a acordo com a Manchester City Football Club Limited para a transferência a título definitivo dos direitos do atleta Ederson Santana de Moraes pelo montante de quarenta milhões de euros”, refere o comunicado enviado à CMVM.

Contudo, os 40 milhões não vão ficar totalmente no Estádio da Luz: o Benfica fica com o compromisso “de entregar 50% da mais-valia obtida nesta transferência a terceiros”. É que o clube português apenas detém 50% do passe do jogador. A restante metade dos direitos do atleta brasileiro dividem-se entre o Rio Ave — o antigo clube de Ederson detém 30% — e o empresário português Jorge Mendes, através da empresa Gestifute, com 20%.

Assim, o clube de Vila do Conde vai receber 12 milhões de euros. O Benfica ficará com 20 milhões de euros e a Gestifute com os restantes oito milhões de euros.

(Atualizado às 10h21)

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Benfica vende Ederson por 40 milhões de euros ao City

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião