Reservas nos EUA atiram petróleo para queda de 5%

O preço da matéria-prima está a recuar quase 5% em Nova Iorque e 4% em Londres, face ao aumento das reservas norte-americanas de crude e combustível.

Os preços do petróleo estão a afundar face ao aumento das reservas de petróleo e combustível nos Estados Unidos, informação que despertou nos investidores o receio de que a oferta ao nível global se mantenha elevada.

Em Londres, o contrato de Brent, referência para as importações nacionais, derrapava 3,85% para 48,19 dólares. Em Nova Iorque, o contrato de WTI recuava 4,75% e o barril negociava-se a 45,90 dólares.

Preço do petróleo em queda acentuada

Fonte: Bloomberg

A Energy Information Administration revelou que só na semana passada as reservas norte-americanas de petróleo aumentaram em 3,3 milhões de barris, um número que apanhou os mercados de surpresa. As reservas de combustível também aumentaram num valor semelhante, segundo a Bloomberg.

O valor do crude tem estado colado à linha de água desde a semana passada. Esta terça-feira, voltou a negociar abaixo dos 50 dólares, depois de encerrar a sessão anterior a valer 50,12 dólares.

Do outro lado do Atlântico, os produtores de petróleo norte-americanos têm aumentado o número de poços de petróleo em exploração há 20 semanas consecutivas. O número mais do que duplicou no último ano, de acordo com dados da Baker Hughes citados pela Bloomberg.

O excesso de oferta volta assim a pressionar os preços da matéria-prima, ofuscando os esforços dos países da OPEP no sentido de cortarem a produção.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Reservas nos EUA atiram petróleo para queda de 5%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião