BOE exige reserva de 11,4 mil milhões aos bancos britânicos

  • Lusa
  • 27 Junho 2017

O Banco de Inglaterra exigiu aos bancos britânicos que aumentem as reservas de capital para enfrentarem eventuais não pagamentos de empréstimos e de hipotecas pelas famílias.

O Banco de Inglaterra (BOE) exigiu aos bancos britânicos que aumentem as reservas de capital para enfrentarem eventuais não pagamentos de empréstimos e de hipotecas pelas famílias. No relatório de estabilidade financeira, o banco central britânico refere que o aumento das reservas será até um total de 11.400 milhões de libras (12.500 milhões de euros) para o setor, num período de 18 meses.

O banco central publicou o relatório de estabilidade financeira, no qual introduz um requerimento de capital contraciclo de 0,5%, depois de ter eliminado temporariamente aquele requisito depois do voto favorável ao ‘Brexit’ de 23 de junho de 2016. No relatório, a instituição alerta que a dívida das famílias britânicas, sobretudo a de cartões de crédito e a devida por empréstimos para a compra de carros, subiu mais de 10% no último ano, um acréscimo muito superior à subida média dos salários, de apenas 2%.

O BOE, que alerta que a economia apresenta “uma grande variedade de riscos”, explica que algumas entidades aliviaram os requisitos para a concessão de empréstimos e hipotecas, “outorgando um peso excessivo ao recente rendimento dos empréstimos em condições benignas”.

Por este motivo, a Comissão de Política Financeira do BOE vai endurecer os requisitos de concessão de hipotecas e vai introduzir um ‘teste de stress’ especificamente estudado para avaliar a resistência dos bancos ao não pagamento de produtos de crédito ao consumidor.

O BOE também confirmou que está a elaborar planos de contingência “para uma variedade de resultados” das negociações com Bruxelas para o ‘Brexit’, saída do Reino Unido da União Europeia (UE). Estes planos ajudarão a “mitigar os riscos para a estabilidade financeira à medida que se vá conhecendo o processo de retirada” do bloco comunitário.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BOE exige reserva de 11,4 mil milhões aos bancos britânicos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião