Wall Street renova máximos com reforma de Trump

As bolsas norte-americanas voltaram a valorizar, atingindo novos recordes. Os investidores continuam otimistas em torno da reforma fiscal de Trump.

As bolsas norte-americanas somam e seguem. Atingiram novos recordes perante o otimismo dos investidores em torno da reforma fiscal anunciada por Donald Trump, numa altura em que os dados económicos que vão sendo revelados apontam para um fortalecimento da economia dos EUA.

O S&P 500 avançou 0,18%, para os 2.533 pontos. O índice de referência norte-americano subiu pela sexta sessão consecutiva, depois de, na primeira sessão da semana, ter subido à boleia dos dados positivos da atividade industrial.

O Dow Jones valorizou 0,37%, para os 22.641 pontos, beneficiando do comportamento positivo dos títulos do setor automóvel depois de conhecidos os dados das vendas no último mês. Já o tecnológico Nasdaq terminou a sessão a ganhar 0,23%, para os 6.531 pontos.

As bolsas norte-americanas continuam a subir, tocando novos recordes, perante sinais cada vez mais positivos para a economia norte-americana, que deverão levar a Fed a subir os juros.

Estão também a valorizar à boleia das notícias da reforma fiscal que Donald Trump quer implementar, que passa pela redução de impostos para as empresas. Mas, enquanto o impacto sobre as cotadas é claramente positivo, no mercado cambial há o efeito contrário. O dólar voltou a cair.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street renova máximos com reforma de Trump

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião