Um submarino de luxo? A Aston Martin já tem. Mas custa quatro milhões de dólares

Uma das marcas mais caras do mundo vai apostar no universo aquático, pela segunda vez, mas agora o projeto é um submarino de luxo. Por 4 milhões de dólares, pode ter o seu Aston Martin debaixo de água

A famosa fabricante de automóveis de luxo decidiu ir mais adiante e explorar novas águas, literalmente. A Aston Martin prepara-se para lançar uma edição limitada de um submarino de luxo, avaliado em quatro milhões de dólares (3,4 milhões de euros). E ainda tem ar condicionado.

Chama-se Project Neptune e o nome é inspirado no deus do Mar da mitologia romana, Neptuno. Pela primeira vez, os amantes de uma das marcas mais caras do mundo vão poder pôr o seu Aston Martin dentro de água, o tempo que quiserem.

Project Neptune, Aston Martin

Foi apresentado no Monaco Yacht Show, o maior evento de iates do mundo, e é o primeiro projeto submersível da marca britânica. O submarino tem condições de luxo, capacidade para três pessoas e uma “bolha” em acrílico que permite uma melhor visão das profundezas aquáticas. É capaz de atingir uma profundidade de 500 metros e uma velocidade semelhante a uma caminhada em ritmo acelerado – 5,6 km/hora. Possui ainda ar condicionado.

Marek Reichman, diretor criativo da empresa, disse à Bloomberg que o Project Neptune vai ter o custo de quatro milhões de dólares (3,4 milhões de euros) e espera-se que, dentro de um ano, já esteja disponível no mercado. Para ter uma ideia, o novo DB11, lançado este ano pela marca, custará cerca de 200 mil dólares (170 mil euros).

No entanto, por se tratar de uma “marca muito exclusiva”, Reichman garante que não serão comercializados mais de 12 submarinos por ano. “Em 100 anos, apenas comercializámos 80 mil carros”, justifica.

O Project Neptune resulta de uma colaboração entre a Aston Martin Consulting, o departamento de consultoria de design da empresa, e a marca de submarinos Triton, com sede na Flórida e presente no mercado de submersíveis de luxo há mais de uma década. O modelo baseia-se na plataforma Triton Low Profile (LP), especificamente concebido para superyachts — iates de grandes dimensões.

"O Project Neptune é um projeto emblemático para a Aston Martin Consulting. É uma demonstração clara e envolvente de como a experiência da Aston Martin em design e confeção de carros desportivos pode ser ampliada para novos aspetos do mundo de luxo.”

Bradley Yorke-Biggs

Diretor-geral da Aston Martin Consulting

Não é a primeira vez que a marca de automóveis aposta no mar, o ano passado lançou a AM37, uma lancha com mais de dez metros, 527 cv de potência e velocidade máxima de 45 nós (45 km/h).

Lancha da Aston Martin – AM37

Comentários ({{ total }})

Um submarino de luxo? A Aston Martin já tem. Mas custa quatro milhões de dólares

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião