Zona euro mantém “crescimento estável,” diz a OCDE

  • ECO
  • 9 Outubro 2017

As previsões para a economia europeia mantêm-se animadoras. A OCDE fala de um “crescimento estável” nos países membros e estende as previsões a toda a zona euro.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) manteve esta segunda-feira a perspetiva de “crescimento estável” na atividade dos seus países membros e traçou igual cenário para a zona euro.

De acordo com os indicadores compósitos avançados hoje divulgados pela OCDE, que sinalizam possíveis alterações no ciclo económico nos próximos seis a nove meses, a média dos países membros manteve-se em julho, pelo terceiro mês consecutivo, nos 100,1 pontos.

A organização sinalizou uma semelhante manutenção da tendência de crescimento nos países da zona euro, particularmente influenciada pela França (com 100,6 pontos).

Na Alemanha, com 100,9 pontos, a OCDE indica um momento de “estabilização de crescimento”, e em Itália, com 100,4 pontos, a organização remete para um momento de crescimento. No Reino Unido, a economia mantém os sinais de abrandamento do crescimento, com 99,5 pontos.

A OCDE diz ainda esperar que o crescimento se mantenha estável nos EUA e que no Brasil e China se mantenham os sinais de crescimento da economia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Zona euro mantém “crescimento estável,” diz a OCDE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião