Gasolina a caminho da primeira subida num mês

Os preços dos combustíveis não deverão sofrer grandes oscilações na próxima semana, mas o rumo será distinto. O preço da gasolina pode subir meio cêntimo, o mesmo valor que o gasóleo pode baixar.

Abastecer o carro de gasolina deverá ficar mais caro a partir da próxima semana. O preço deste tipo de combustível deverá sofrer a primeira subida no espaço de um mês, apesar de o agravamento ser muito curto. No gasóleo, a variação também promete ser curta, mas o sentido é de descida.

De acordo com cálculos do ECO com base nos dados da Bloomberg, o aumento do preço da gasolina deverá rondar meio cêntimo, naquele que será o primeiro movimento de subida no intervalo de cinco semanas. No caso do gasóleo, a descida deverá ser próxima também de meio cêntimo, naquela que será a segunda semana seguida de desagravamento do preço deste tipo de combustível.

Sendo assim, segundo os dados da Direção Geral de Energia e Geologia, tudo aponta para que o litro da gasolina simples 95 suba para perto dos 1,45 euros. Já o preço do gasóleo prepara-se para baixar para cerca de 1,245 euros por litro.

Estes cálculos têm por base o preço a que são transacionados os dois tipos de combustível nos mercados internacionais e também o efeito cambial. Mas tendo em conta que se trata de variações muito curtas, pode acontecer que não se venham a refletir num ajustamento dos preços dos combustíveis nos postos de abastecimento nacionais a partir da próxima segunda-feira.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Gasolina a caminho da primeira subida num mês

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião