Ordem dos Médicos pede auditoria ao SNS

  • Cristina Oliveira da Silva
  • 18 Outubro 2017

Pedido vai ser dirigido ao Ministério da Saúde, depois de conhecidos os resultados de uma auditoria do Tribunal de Contas.

Depois de o Tribunal de Contas ter apontado, esta terça-feira, para a degradação das condições de acesso aos cuidados de saúde nos hospitais entre 2014 e 2016, a Ordem dos Médicos vai agora pedir ao Ministério da Saúde uma auditoria independente ao SNS.

“A análise feita pelo Tribunal de Contas é reveladora: o acesso dos doentes a cuidados de saúde degradou-se em 2016 e as conclusões contrariam os números da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), os quais davam conta de menos tempo de espera pela primeira consulta de especialidade nos hospitais públicos”, refere um comunicado da Ordem enviado às redações.

O Tribunal de Contas diz mesmo que a “qualidade da informação disponibilizada publicamente” pela Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) sobre listas de espera “não é fiável”. E que há indicadores de desempenho falseados.

Para o bastonário da Ordem dos Médicos, “é inadmissível que isto aconteça”. “O Ministério da Saúde tem de garantir a transparência total e independência dos dados fornecidos ao país e que fazem o retrato do estado real do SNS”, acrescenta Miguel Guimarães, citado no comunicado.

Comentários ({{ total }})

Ordem dos Médicos pede auditoria ao SNS

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião