Incêndios: Segurança Social vai apoiar agricultores até 1.053 euros

  • Lusa
  • 30 Outubro 2017

António Costa acredita que esta medida deverá dar resposta à generalidade das situações mais imediatas. Apoios serão assegurados pela Segurança Social para evitar burocracia.

A Segurança Social vai apoiar diretamente os agricultores afetados pelos incêndios que deflagraram em 15 de outubro até ao montante de 1.053 euros, anunciou, este domingo, o primeiro-ministro, António Costa.

Para evitar a “enorme carga burocrática” dos mecanismos de apoio da União Europeia, os apoios até 1.053 euros vão ser assegurados através da Segurança Social, afirmou António Costa, durante a apresentação do modelo de reconstrução de habitações afetadas pelos fogos, que decorreu hoje na Pampilhosa da Serra, concelho do distrito de Coimbra.

Em declarações aos jornalistas, o líder do executivo disse que esta medida deverá dar resposta “à generalidade das situações mais imediatas”, à imagem daquilo que aconteceu em Pedrógão Grande.

Em Pedrógão Grande, havia ainda um apoio concedido a prejuízos na agricultura superiores a 1.053 euros e inferiores a 5.000 euros, que era assegurado pelo fundo Revita.

Esse mesmo mecanismo não está previsto no contexto dos incêndios que deflagraram em 15 de outubro, sendo que, para prejuízos superiores a 1.053 euros, os produtores terão de recorrer aos mecanismos da União Europeia, explicou António Costa.

As centenas de incêndios que deflagraram no dia 15 de outubro, o pior dia de fogos do ano segundo as autoridades, provocaram 45 mortos e cerca de 70 feridos, perto de uma dezena dos quais graves.

Os fogos obrigaram a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas, sobretudo nas regiões Norte e Centro.

Esta foi a segunda situação mais grave de incêndios com mortos em Portugal, depois de Pedrógão Grande, em junho deste ano, em que um fogo alastrou a outros municípios e provocou, segundo a contabilização oficial, 64 mortos e mais de 250 feridos. Registou-se ainda a morte de uma mulher que foi atropelada quando fugia deste fogo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Incêndios: Segurança Social vai apoiar agricultores até 1.053 euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião