Emissões fazem quase 5.000 veículos da Audi regressar às oficinas

  • ECO
  • 2 Novembro 2017

A Audi apela ao retorno dos veículos, após a descoberta de excessivas emissões de óxido de nitrogénio. A fabricante alemã foi acusada recentemente de violar as leis da concorrência na UE.

São 4.997 veículos em toda a Europa que a Audi está a chamar às oficinas. Trata-se do modelo A8 com motor diesel, dos quais 3.660 foram fabricados na Alemanha entre setembro de 2013 e agosto de 2017. Em causa está um erro de software que impediu as excessivas emissões de óxido de nitrogénio, o mesmo gás que levou a Volkwagen para a luz de uma polémica relacionada com manipulações de emissões de gases poluentes nos seus veículos, avança a Reuters.

A fabricante alemã espera arrancar com uma nova versão do software no primeiro trimestre de 2018, após os testes de inverno. “Ao longo dos testes, será assegurado que o novo software não trará desvantagens para os clientes em termos de consumo de combustível ou de desempenho”, cita a mesma fonte.

Este ano, a Audi, juntamente com outras fabricantes de automóveis alemães, foram acusados de organizar reuniões secretas desde 1990. O cartel combinava entre si os fornecedores e os componentes para o sistema de filtragem das emissões poluentes. A denúncia valeu uma inspeção sem aviso prévio da autoridade da Concorrência da Comissão Europeia às instalações da BMW em Munique na semana passada.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Emissões fazem quase 5.000 veículos da Audi regressar às oficinas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião