Rabobank acredita que Fitch também vai retirar Portugal de “lixo”

Os analistas do Rabobank acreditam que a agência Fitch vai retirar Portugal da categoria "lixo" quando, no próximo dia 15 de dezembro, voltar a atualizar o rating português.

Os analistas do Rabobank acreditam que a agência Fitch vai retirar Portugal da categoria “lixo” quando, no próximo dia 15 de dezembro, voltar a atualizar o rating português, seguindo o exemplo recente da Standard & Poor’s. O que vai ajudar a baixar ainda mais o custo de financiamento do país.

Numa nota dedicada ao bom momento de Portugal nos mercados de dívida, o banco holandês vê os juros portugueses a reduzirem a diferença face aos juros alemães (o chamado prémio de risco dos investidores), dado que “é provável” que a Fitch melhore o rating da República dentro de um mês, colocando-o num nível considerado “investimento de qualidade”.

“O facto de esta decisão [da Fitch] fazer regressar o país para a maioria dos índices de obrigações com investimento de qualidade diz-nos que um spread mais reduzido é provável”, referem os analistas Lyn-Graham Taylor, Mathew Cains, Richard McGuire e Sebastiaan van Geffen.

Neste cenário, o Rabobank vê as taxas da dívida portuguesa a dez anos a convergirem em direção às taxas italianas. Atualmente, a yield implícita nas obrigações portuguesas a dez anos está nos 1,942%, taxa que compara com os 1,813% registados na dívida italiana com a mesma maturidade.

Neste ponto, o banco estabelece uma comparação com o bom desempenho evidenciado pelas obrigações irlandesas face à Bélgica e França, cujo spread face a estes dois países de referência é bastante curto, apesar de a Irlanda ter um rating dois níveis abaixo. Explica que isso se deve ao facto de a Irlanda ter um montante de dívida transacionável no mercado “relativamente pequeno” face ao total da dívida, o que é uma “característica que Portugal partilha”.

Atualmente, a Fitch atribui um rating de “BB+” a Portugal, mantendo o país no patamar considerado “investimento especulativo”.

Em setembro, a Standard & Poor’s melhorou a notação portuguesa em um nível de “BB+” para “BBB-“, numa decisão quase inédita para a agência uma vez que fê-lo sem antes ter colocado a dívida portuguesa com perspetivas positivas.

(Notícia atualizada às 9h38)

Comentários ({{ total }})

Rabobank acredita que Fitch também vai retirar Portugal de “lixo”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião