Altice garante ter “forte” liquidez e não vai vender ações. Dispara 15% em bolsa

A Altice assume que o grupo tem uma "forte" liquidez. Rejeita ainda qualquer angariação de capital através da venda ou emissão de ações, mas apenas pela alienação de ativos. Sobe 15% em bolsa.

Depois dos fracos resultados do terceiro trimestre, a Altice viu-se obrigada a encarar os cerca de 50 mil milhões de euros de dívida que acumula.Paula Nunes/ECO

A Altice garante que não tem planos para aumentar capital através de uma venda de ações, mas apenas pela venda de ativos fora do core das operações como, por exemplo, torres de telecomunicações, garantiu esta segunda-feira num comunicado. O grupo de Patrick Drahi pôs em marcha um plano com vista a acalmar os receios dos investidores de que não tenha liquidez para pagar os já cerca de 50 mil milhões de euros de dívida.

“A Altice confirma que não está a preparar qualquer angariação de capital através da venda ou emissão de ações e não tenciona levar a cabo esse tipo de operação no grupo, incluindo na Altice USA”, lê-se numa nota citada pela Bloomberg. Segundo a agência financeira, o grupo diz ainda que tem “forte” liquidez. Estas informações estavam a valer, na manhã desta segunda-feira, um pulo de 15% às ações da empresa, cotadas em Amesterdão.

Na semana passada, a empresa anunciou a cessação das operações de fusão e aquisição, pouco depois de apresentar resultados pouco satisfatórios relativos ao terceiro trimestre. Resultados esses que provocaram às ações da Altice, cotadas em Amesterdão, uma autêntica hemorragia na bolsa — afundaram 50% desde 2 de novembro, recorda a agência. No início do mês, a dona da Meo disse ainda que os resultados do ano de 2017 deverão ficar no “limite mínimo” das suas previsões.

A mudança de posicionamento ficou clara numa conferência com analistas em Barcelona, após a demissão de Michel Combes em rutura com os fundadores da companhia. A companhia alterou significativamente o seu discurso, deixando de falar apenas na estratégia de convergência entre telecomunicações, media e publicidade para assumir que não tem estado suficientemente focada nos problemas operacionais.

A Altice detém a Meo em Portugal desde 2015, após uma operação multimilionária com os brasileiros da Oi. Encontra-se em pleno processo de aquisição da Media Capital aos espanhóis da Prisa, numa aquisição avaliada em 440 milhões de euros. A Media Capital detém no país a televisão TVI e a rádio Comercial, ambas líderes em quota de mercado. Detém ainda a maior produtora de conteúdos em língua portuguesa, a Plural.

Empresa dispara 15% na bolsa de Amesterdão

O comunicado da Altice está a ser bem recebido pelos investidores. Os títulos do grupo franco-israelita estavam, na manhã desta segunda-feira, a disparar mais de 15% na bolsa de Amesterdão, de 8,10 para 9,321 euros por ação.

A subida permite corrigir das perdas de 12% da última sexta-feira, mas os títulos ainda estão longe dos 16 euros, o valor que tinham no início deste mês, antes da apresentação de resultados da Altice que mostrou uma queda geral nas receitas e perda de clientes na operadora SFR em França.

Cotação das ações da Altice desde outubro

Fonte: Bloomberg

(Notícia atualizada às 10h03 com subida expressiva da Altice na bolsa)

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Altice garante ter “forte” liquidez e não vai vender ações. Dispara 15% em bolsa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião