Jorge Lacão chumbado para Conselho Superior de Segurança Interna

  • ECO e Lusa
  • 27 Novembro 2017

O socialista não conseguiu, pela segunda vez, os votos suficientes para ocupar o lugar, por entre 76 votos brancos e 18 nulos.

O nome de Jorge Lacão, deputado socialista, foi chumbado para o Conselho Superior de Segurança Interna. É a segunda vez que o deputado foi nomeado, mas não conseguiu os votos suficientes para ocupar o lugar.

Apesar do acordo PSD-PS, que incluiu o nome a indicar pelo Parlamento para o Conselho Superior de Segurança Interna, o antigo ministro socialista obteve apenas 131 votos, dos 150 necessários, num total de 225 deputados votantes.

Segundo o secretário da mesa da Assembleia da República Duarte Pacheco, nesta votação registaram-se 76 votos brancos e 18 nulos.

Na mesma sessão parlamentar, os deputados aprovaram o nome de Abílio Morgado para o Conselho de Fiscalização do Sistema de Informações da República Portuguesa bem como os quatro nomes para integrarem o Conselho Regulador da ERC – Entidade Reguladora para a Comunicação Social, resolvendo assim um impasse com cerca de um ano.

Na votação de 20 de outubro, num total de 211 deputados votantes, Lacão só obteve 117 dos 141 necessários, nessa votação, para alcançar os dois terços.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Jorge Lacão chumbado para Conselho Superior de Segurança Interna

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião