Centeno é resposta aos conservadores. Costa agradece apoio do PSE

  • Lusa
  • 2 Dezembro 2017

O presidente do PSE reitera que Centeno tem “todo o apoio” dos socialistas europeus na candidatura à presidência do Eurogrupo, considerando-o “competente e eficiente”.

O Partido Socialista Europeu (PSE) não pode ficar refém dos conservadores e dos populismos da extrema-direita, razão pela qual apoia o candidato português Mário Centeno à presidência do Eurogrupo, disse este sábado o presidente daquela família política europeia. Um “apoio claro” que António Costa agradece.

Serguei Stanishev, que falava aos jornalistas na conferência de imprensa que antecedeu o encerramento da reunião do Conselho do PSE, que decorreu desde sexta-feira em Lisboa, salientou que os socialistas europeus, através da candidatura de Mário Centeno, têm a responsabilidade de liderar a Europa em direção a novos horizontes.

“Temos a responsabilidade de liderar a Europa em direção a novos horizontes, para que crie novas e melhores possibilidades, justiça, igualdade, competitividade e proteção para os países europeus e para os cidadãos”, salientou Stanishev. Segundo o líder do PSE, a resolução política aprovada sexta-feira durante os trabalhos do Conselho constitui as bases da visão socialista para o progresso dos governos de esquerda na Europa.

"Não podemos permitir que o debate sobre o nosso futuro fique refém nem dos conservadores, que levaram os europeus a perder confiança nas políticas das nossas instituições, nem dos nacionalistas, nem da extrema-direita, dos populistas, que apenas querem destruir a ideia europeia.”

Serguei Stanishev

Presidente do Partido Socialista Europeu

“Não podemos permitir que o debate sobre o nosso futuro fique refém nem dos conservadores, que levaram os europeus a perder confiança nas políticas das nossas instituições, nem dos nacionalistas, nem da extrema-direita, dos populistas, que apenas querem destruir a ideia europeia”, acrescentou.

Tendo sempre como pano de fundo a candidatura do Ministro das Finanças português à presidência do Eurogrupo, Stanishev lembrou que Centeno tem “todo o apoio” dos socialistas europeus, considerando-o “competente e eficiente”.

O secretário-geral do PS e primeiro-ministro agradeceu esta sexta-feira este apoio dos socialistas europeus à candidatura do ministro das Finanças português à presidência do Eurogrupo, frisando que Mário Centeno é “parte essencial” na “mudança de política”.

“Temos muito orgulho e quero aqui agradecer o claro apoio de toda a família socialista ao facto de termos apresentado o candidato à presidência do Eurogrupo e à sua eleição segunda-feira – o nosso ministro das Finanças, Mário Centeno -, que tem sido parte essencial da execução desta mudança de política”, afirmou António Costa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Centeno é resposta aos conservadores. Costa agradece apoio do PSE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião