ASAE apreende cerca de 30 mil artigos contrafeitos e instaura 23 processos-crime

  • Lusa
  • 26 Dezembro 2017

A ASAE apreendeu cerca de 30 mil produtos contrafeitos e mais de dois mil euros em operações de fiscalização, na semana passada. Fiscalizações incluíram armazenistas e lojas online.

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) instaurou 23 processos-crime por venda, circulação ou ocultação de produtos contrafeitos e apreendeu quase 30 mil artigos em ações de fiscalização realizadas em diversas cidades.

Em comunicado, a ASAE adianta esta terça-feira que os 29.718 artigos contrafeitos apreendidos, nomeadamente calçado desportivo, malhas, cintos, malas e carteiras, acessórios de moda, óculos, relógios e perfumes, têm um valor de 330 mil euros. Os inspetores apreenderam também dois mil euros em dinheiro.

As ações de ações de fiscalização, realizadas nas últimas duas semanas em Lisboa, Leiria, Porto, Tagilde, Guimarães, Palmela, Cascais, foram direcionadas a armazenistas, venda ambulante, estabelecimentos físicos de venda direta ao público e ainda páginas de redes sociais com oferta de produtos online.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

ASAE apreende cerca de 30 mil artigos contrafeitos e instaura 23 processos-crime

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião