Tranquilidade substitui Açoreana que fica apenas nos Açores

  • ECO
  • 27 Dezembro 2017

As marcas agora detidas pela norte-americana Apollo vão ficar sob o âmbito da Tranquilidade. A Açoreana acaba no em Portugal continental e no arquipélago da Madeira.

A seguradora Açoreana vai passar a estar presente apenas no Arquipélago dos Açores, escreve esta quarta-feira o Jornal de Negócios. Em Portugal continental e na Madeira, a Seguradoras Unidas, da Apollo, vai optar pela outra marca do grupo, a Tranquilidade.

Ambas as marcas de seguros foram adquiridas pela Apollo no ano passado, juntamente com a Logo, uma marca dentro do guarda-chuva Tranquilidade que, segundo o Negócios, vai continuar a existir no âmbito dos seguros telefónicos e online.

“Em Portugal Continental e na Região Autónoma da Madeira será usada unicamente a marca Tranquilidade. Pelo seu valor para a região, o naming Açoreana será mantido no mercado da Região Autónoma dos Açores“, explicou fonte do grupo ao jornal.

Em 2016, a Seguradoras Unidas teve prejuízos de 4,4 milhões de euros. No ramo de seguros não vida, a empresa chapéu tinha uma quota de mercado de 15,4%, e de 1,2% no ramo de seguros de vida.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Tranquilidade substitui Açoreana que fica apenas nos Açores

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião