Atestar vai ficar mais barato. Gasóleo dá maior queda em oito meses

  • ECO
  • 16 Fevereiro 2018

Se precisa de atestar, espere um pouco. É que os preços dos combustíveis vão dar um tombo no arranque da próxima semana. Vêm aí descidas de vários cêntimos tanto na gasolina como no gasóleo.

Os combustíveis vão voltar a baixar. Depois da redução sentida na última semana, que atirou os valores de venda nos postos de abastecimento nacionais para mínimos do ano, vem aí uma nova redução, ainda mais expressiva. Apesar da subida dos preços do petróleo, há margem para descidas de vários cêntimos por litro tanto na gasolina como no gasóleo.

Depois da forte descida na semana passada, os preços do petróleo recuperaram ligeiramente esta semana. Tanto o Brent como o West Texas Intermediate (WTI) valorizaram, mas os valores estão bastante aquém dos máximos de quase três anos a que estavam a transacionar. A subida dos preços da matéria-prima aconteceu, no entanto, num contexto de valorização do euro. Assim, há boas notícias para os condutores nacionais.

Haverá, no arranque da semana, reduções expressivas nos valores de venda dos combustíveis. A gasolina, que ainda é o combustível menos utilizado no mercado nacional, deverá ficar três cêntimos mais barata nos postos de abastecimento nacionais, de acordo com a informação obtida pelo ECO. Assim, o valor médio da gasolina simples de 95 octanas deverá baixar de 1,40 para cerca de 1,37 euros, o que será a maior descida desde maio de 2017.

Quanto ao gasóleo, utilizado na maioria dos veículos em circulação nas estradas portuguesas, deverá baixar 2,5 cêntimos. De acordo com os dados da Direção-Geral de Energia e Geologia, o valor médio deste combustível está a ser vendido a 1,297 euros, podendo com esta redução baixar para cerca de 1,27 euros. A confirmar-se, será a maior queda desde junho, o que levará os preços a tocarem mínimos de cerca de quatro meses.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Atestar vai ficar mais barato. Gasóleo dá maior queda em oito meses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião