5 coisas que vão marcar o dia

  • Marta Santos Silva
  • 27 Março 2018

Quanto custam as casas em Portugal? Que créditos pedem os portugueses? Como é ser jovem e trabalhador na União Europeia? São perguntas a que INE, Banco de Portugal e Eurostat respondem.

Em janeiro o preço das casas atingia máximos desde 2011 — o que nos reservou fevereiro? O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulga os preços da avaliação bancária no segundo mês do ano. Os lesados do Novo Banco continuam a manifestar-se, desta vez no Porto, e o Banco de Portugal divulga as estatísticas dos empréstimos no país. Saiba o que esperar desta terça-feira.

INE: Preços das casas continuam a subir?

Em janeiro, julgando pelas avaliações bancárias à habitação, o preço das casas continuou no seu ritmo de subida, com o valor médio do metro quadrado a chegar aos 1.153 euros. O Instituto Nacional de Estatística dá a conhecer esta terça-feira os números de fevereiro, que poderão confirmar a continuação desta tendência que já regressou a valores de 2011, antes da intervenção da troika.

Qual o perfil dos empréstimos em Portugal?

As estatísticas dos empréstimos em fevereiro vão ser divulgadas esta terça-feira pelo Banco de Portugal. Permitem conhecer não só quais os tipos de crédito que estão com maior procura, mas também aqueles a que as famílias mais recorrem e de quais é de que as empresas portuguesas mais dependem, sendo ainda possível fazer comparações com o ano anterior.

O mercado de trabalho europeu acolhe bem os jovens?

O instituto de estatística da União Europeia, o Eurostat, publica hoje um conjunto de dados para perceber melhor como é que os jovens se enquadram no mercado de trabalho europeu. Mais longe do que as taxas de desemprego jovem, este conjunto de dados permite conhecer o perfil do trabalho das faixas etárias mais jovens na Europa — assim como perceber onde se pode melhorar.

Qual o comportamento dos pagamentos em atraso?

Em janeiro, os pagamentos em atraso do Governo aumentaram 276 milhões de euros em relação ao ano anterior, o que se deveu a um novo referencial contabilístico para a área da saúde. Em março, prometeu o gabinete do ministro das Finanças, os números vão ser melhores. Então e fevereiro? A Direção-Geral do Orçamento divulga a síntese de execução orçamental para esse mês, que inclui estes dados e outros.

Lesados do Novo Banco voltam à rua

Os lesados do papel comercial e lesados emigrantes do Novo Banco manifestam-se esta terça-feira junto ao balcão do Novo Banco e do Banco de Portugal na Avenida dos Aliados, no Porto. O grupo rejeita a solução encontrada, que prevê o pagamento de 75% das aplicações até 500 mil euros e 50% para valores acima de 500 mil euros. Os lesados garantem continuar a protestar até terem garantias de que a totalidade da dívida seja paga, podendo mesmo levar o tema ao Parlamento Europeu.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

5 coisas que vão marcar o dia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião