Puigdemont fica em prisão preventiva na Alemanha até ser extraditado

  • ECO e Lusa
  • 26 Março 2018

O ex-presidente da Generalitat da Catalunha, Carles Puigdemont, já tinha sido detido este domingo na Alemanha, pouco depois de cruzar a fronteira da Dinamarca.

Carles Puigdemont, que se encontra exilado desde que a Catalunha declarou a independência, vai ficar em prisão preventiva na cidade do Norte da Alemanha de Neumünster, enquanto aguarda que a Justiça alemã decida sobre o pedido de extradição enviado por Madrid, relata o El Mundo (acesso livre/ conteúdo em espanhol)

Segundo o que fonte oficial da Justiça alemã revelou à publicação espanhola, esta medida era expectável, uma vez que é comum em casos de extradição optar pela prisão preventiva até que o Supremo Tribunal tome uma decisão.

O Tribunal de Schleswig irá deliberar se os delitos de rebelião de que o juiz espanhol, Llanera, acusa Puigdemont, têm equivalência no código penal alemão.

O ex-presidente da Generalitat da Catalunha já tinha sido detido este domingo na Alemanha, pouco depois de cruzar a fronteira da Dinamarca. Carles Puigdemont estava a regressar da Finlândia e seguia a caminho da Bélgica, onde se encontrava exilado.

Carles Puigdemont sabia dos riscos de uma detenção, diz advogado

O advogado do ex-presidente do governo regional da Catalunha Carles Puigdemont afirmou esta segunda-feira que o político estava consciente dos riscos que corria ao viajar pela Europa, mas desconhece se pedirá asilo na Alemanha, onde foi detido.

Segundo o advogado, o processo de extradição na Alemanha “não será muito diferente” do que se iniciou na Bélgica. “Todos dizem que [a extradição] é inevitável, mas não é verdade”, disse. Uma das chaves da defesa de Carles Puigdemont deverá ser, segundo o advogado, demonstrar à justiça alemã que o ex-presidente catalão não teria garantias em Espanha de ter um julgamento justo.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Puigdemont fica em prisão preventiva na Alemanha até ser extraditado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião