Concursos de obras públicas caem 58% nos dois primeiros meses do ano

  • Lusa
  • 2 Abril 2018

Fevereiro foi o “segundo mês com variações homólogas acumuladas negativas, algo que não sucedia desde dezembro de 2015, ou seja, há mais de dois anos”, diz a associação dos industriais do setor.

O valor total de concursos de obras públicas promovidos em janeiro e fevereiro deste ano totalizou 178 milhões de euros, menos 58% face ao registado em igual período de 2017, divulgou esta segunda-feira a associação dos industriais da construção.

Em fevereiro, foram promovidos 96,7 milhões de euros em concursos de empreitadas de obras públicas, tornando-se no “segundo mês com variações homólogas acumuladas negativas no volume de obras levadas a concurso, algo que não sucedia desde dezembro de 2015, ou seja, há mais de dois anos”, segundo a associação.

De acordo com o barómetro das obras públicas da AICCOPN – Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas, o total de contratos celebrados no âmbito de concursos públicos e reportados no Observatório das Obras Públicas nos dois primeiros meses deste ano totalizou 140 milhões de euros, menos 12% face a igual período de 2017.

“Apesar da queda nos volumes contratados ser significativamente inferior à verificada nos concursos promovidos, o diferencial entre ambos continua a ser bastante expressivo, superando 1,5 mil milhões de euros ao longo dos últimos 12 meses, ou seja, apenas foi celebrada a contratação de um euro por cada 2,29 euros de concursos de empreitadas de obra públicas anunciados”, de acordo com a associação.

Os contratos celebrados por ajuste direto nos dois primeiros meses do ano totalizaram 81 milhões de euros, 1% acima do registado em 2017. No seu conjunto, o volume total de contratos celebrados neste período foi de 226 milhões de euros, uma descida homóloga de 13%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Concursos de obras públicas caem 58% nos dois primeiros meses do ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião