SAD do Sporting retira processos disciplinares aos jogadores

  • Lusa
  • 11 Abril 2018

O clube afirma que "os superiores interesses do Sporting estão e estarão sempre acima de qualquer situação ou decisão". Eram cerca de vinte os jogadores suspensos.

O Sporting retirou os processos disciplinares de que eram alvo futebolista do plantel, na sequência de um comunicado publicado nas redes sociais em que manifestaram desagrado pelas críticas do presidente, Bruno de Carvalho, anunciou esta quarta-feira a SAD.

“Apesar de ter sido unanimemente considerado, pela administração da SAD e pelo Conselho Diretivo do Sporting Clube de Portugal, que a atitude dos jogadores (…) foi incorreta para com a sua entidade patronal, entendeu-se que o momento atual tem de ser ainda de maior união e coesão, de forma a que possamos cumprir aquelas que são as naturais aspirações do universo sportinguista, isto é, a conquista das provas em que estamos a competir“, lê-se em comunicado.

A decisão de retirar os processos disciplinares que visavam duas dezenas de jogadores do plantel da equipa profissional de futebol, acontece após uma reunião do presidente da SAD, Bruno de Carvalho, com a Comissão Executiva.

“Com este gesto, a administração da SAD e a direção do clube querem mostrar, mais uma vez, que os superiores interesses do Sporting estão e estarão sempre acima de qualquer situação ou decisão. Por vezes, estes superiores interesses justificam que seja dado um passo atrás, tendo a humildade de reconhecer estar a contribuir para que a equipa possa, dentro de campo, dar todos os passos em frente que sejam necessários à conquista da glória”, completa.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

SAD do Sporting retira processos disciplinares aos jogadores

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião